Aleitamento Materno em 2017, Secretaria de Saúde Inaugurou sua sala de apoio à Amamentação

1823

Outro percentual expressivo foi registrado no programa de incentivo ao aleitamento materno exclusivo, o Proame. A adesão passou de 425 em 2016 para 1.074 no ano DE 2017.
Considerando as crianças que ainda não completaram o sexto mês de vida e que ainda encontram-se em andamento no programa, o percentual de aleitamento materno em 2017 foi de 78.21%. Em 2016 esse percentual foi de 69.88%.

“Além desse avanço na adesão ao programa, também registrou-se um aumento no número de equipes que estão atuando no programa, após capacitação realizada em junho de 2017”, informa Nayara Matias, titular da Coordenadoria de Saúde da Criança e do Adolescente.

Ela disse, ainda, que o maior período desse avanço aconteceu no segundo semestre de 2017, “Demostrando o êxito da campanha realizada no município durante a semana mundial de aleitamento materno, que aconteceu em agosto de 2017”.

Outra iniciativa importante tomada pela Coordenação de Saúde da Criança e do Adolescente foi à implantação da sala de apoio à amamentação, ocorrida em agosto do ano passado. Existem apenas 200 delas em todo País. “O objetivo é intensificar as orientações quanto ao aleitamento materno e receber doações de leite materno para entregar aos recém-nascidos da Unidade de Terapia Intensiva da Santa Casa de Misericórdia”, concluiu Nayara Matias.

Fonte:SESMA