A Cidade Modelo do Pará completa 86 anos

3199

A história de Castanhal começou com a Estrada de Ferro Belém/Bragança, que foi responsável pelo seu primeiro período de desenvolvimento. Colonizadores cearenses, especializados no cultivo da terra, foram contratados pelo Governo Provincial para desenvolver a região, e assim, em 15 de agosto de 1899, a Vila de Castanhal foi criada oficialmente. E, através de um decreto-lei, assinado pelo Interventor Federal do Pará, Magalhães Barata, a vila se transformou em município em 28 de janeiro de 1932.

Castanhal dedicou-se ao comércio de maneira muito intensa, o que se tran

sformou na sua principal atividade econômica. O município vem contribuindo para o abastecimento das cidades vizinhas, através da venda de utensílios, alimentos, ferramentas e material de construção. Atualmente a indústria também se destaca na sua economia. O polo industrial de Castanhal atua em diversos ramos como calçados, têxtil, pré-moldados, material elétrico e vestuário.

Alguns pontos turísticos do município merecem destaque, como a Catedral Santa Maria Mãe de Deus, que possui um mosaico de 300 metros quadrados montados no altar, feito com pedras raras e considerado o maior da América Latina e a Praça do Cristo Redentor, que é também um dos belos logradouros turísticos de Castanhal, com a estátua do Cristo, com 24 metros de altura que domina a área.

No centro comercial de Castanhal se destaca a Avenida Barão do Rio Branco, o principal corredor comercial da cidade. Abriga inúmeras lojas das mais diversas atividades comerciais, e representa o coração do centro comercial do município, destino de milhares de pessoas todos os dias.

Quem visita Castanhal não pode esquecer de ir às Praças da Igreja Matriz e Estrela, onde se exibe a locomotiva do trem que fazia a linha da antiga estrada de Ferro Belém/Bragança. A área possui espaço destinado às visitas e passeios, oferecendo aos visitantes estrutura gastronômica, espaço infantil, biblioteca e complexo cultural e esportivo.

A religiosidade dos moradores da Cidade Modelo fica evidente todos os anos, quando milhares de fiéis se juntam à Romaria de Nossa Senhora de Nazaré, que é considerada a segunda maior do Pará, com um cortejo de nove quilômetros de caminhada de muita fé e devoção.

O Círio Fluvial da Vila de Macapazinho é mais uma das tradicionais romarias de Castanhal. Nessa procissão os devotos partem da vila de Boa Vista em pequenas embarcações e percorrem o Rio Apeú, até à agrovila de Macapazinho, encerrando a romaria com uma caminhada pelas ruas da comunidade e uma missa campal.

Em seu planejamento estratégico e como forma de gerar emprego e renda, o Governo Municipal tem o objetivo de tornar realidade o Distrito Industrial de Castanhal, um projeto que conta com a parceria do Governo do Estado. O Executivo Estadual entrará com parte da infraestrutura com a abertura de ruas, a definição de lotes e energia sustentável para atrair grandes empresas para Castanhal.

A Prefeitura Municipal tem dedicado atenção especial às

áreas periféricas da cidade. Bairros onde o poder público estava ausente há muitos anos comemoram a chegada de benfeitorias como asfalto e iluminação. Durante o ano de 2017, mais de 14 mil pontos de iluminação foram recuperados. E o asfalto, que hoje beneficia diversos bairros, é produzido na própria usina do município, que foi recuperada e reativada na gestão do atual Prefeito Pedro Coelho Filho e seu Vice, Landry Adelino.

O Prefeito Pedro Coelho Filho vem acompanhando todo o processo de evolução de Castanhal. Seu pai Pedro Coelho da Mota, foi também prefeito da cidade e até hoje é considerado uns dos melhores da história de Castanhal.

Pedro Coelho Filho pretende seguir o exemplo do pai, e afirma: “Tenho orgulho de estar como prefeito dessa cidade que é considerada ‘Modelo’ do Pará. Vamos continuar trabalhando para levar serviços que atendam a todos os moradores nas áreas da saúde, educação e serviços de infraestrutura. O povo de Castanhal é muito acolhedor e merece como presente de aniversário melhor qualidade de vida para todos”, concluiu.

 

Fonte:ASCOM-PMC
Fotos: Wanderley Souza -ASCOM.