Camping ibirapuera recebe visita técnica para avaliar comprometimento do solo

2353

Visíveis sinais de comprometimento do solo ao longo do canal aberto para fazer a sangria e, dessa forma, aliviar a pressão da água que vem do lago do antigo camping do Ibirapuera, podendo chegar até a atingir o asfalto da rua Presidente Kennedy.

Essa foi uma das conclusões feitas durante visita técnica realizada no local na manhã da última quinta-feira, 12, pelo prefeito de Castanhal, Pedro Coelho Filho, Vice Landry Adelino e uma equipe formada por integrante da Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), Secretaria Municipal de Meio Ambiente e a Coordenadoria da Defesa Civil de Castanhal.

Embora esteja longe de ter a dimensão do que ocorreu em Paragominas, cuja cidade foi em boa parte destruída pela força das águas, o que desabrigou centenas de pessoas, a situação daquela área, onde antes existia o saudoso Ibirapuera pode, sim, sofrer algum tipo de desastre natural. O engenheiro João Marcelo Lima, do CPRM, recomendou que fosse realizado um estudo do subsolo da área.

Fonte:ASCOM-PMC
Fotos: Wanderley Souza-Ascom.