Coronavírus é tema de palestra para servidores da prefeitura de Castanhal

999

Num cenário mundial ainda cercado de dúvidas e apreensões em relação à sua letalidade, e já classificado de pandemia pela Organização Mundial de Saúde, o coronavírus foi o assunto na manhã desta sexta-feira, no prédio da Prefeitura de Castanhal.

A palestra foi proferida pela assistente social Raíza Magnago, da Coordenadoria em Vigilância em Saúde, da Secretaria Municipal de Saúde.
“Não é ainda o fim do mundo, pessoal. Nesse momento temos que nos preocupar com a situação que vivenciamos. Todos os dias em Castanhal constatamos de cinco a seis casos de sarampo, a maioria vinda de outras cidades, que mata muito mais que o COVID-19, que é mais um virus respiratório que vamos conviver”, afirmou Raíza.

Mas mesmo assim, disse ela, o sistema de saúde de Castanhal está preparado, com os protocolos de atendimento pronto para receber quem procurar os serviços de urgência e emergência, caso apresente algum sintoma respiratório.

Por conta do coronavírus, o álcool gel e as máscaras de rosto sumiram das prateleiras dos supermercados e farmácias. “O que observo é que, por trás de todo esse alarme propalado pela imprensa mundial, estão enormes interesses comerciais, incluindo os que estão pesquisando para produzir a vacina contra esse coronavírus, porém, se chegar algum caso até nosso município, todos serão atendidos segundo os protocolos existentes”, afirmou a assistente social.

Mesmo assim, Raiza lembra da importância de todos se conscientizarem sobre a importância da higiene pessoal e prevenções básicas quando se fala em vírus respiratórios “lavando bem as mãos, ter uma boa alimentação, um bom sono. Não podemos é negligenciar possíveis casos, pois os idosos são os mais afetados nesse cenário”, completou.

Fonte: ASCOM-PMC.

Fotos: ASCOM-PMC.