Mais um prêmio para a Educação de Castanhal: Aluno da rede municipal de ensino recebe medalha de bronze da OBMEP

507

A premiação aconteceu no último dia 30 de agosto no Campus da UFPA, em Belém. O aluno Rafael Renan Sousa Moura, da Escola Municipal do Campo José Henrique de Araújo, localizada no Distrito Castelo Branco, recebeu a Medalha de Bronze na Olimpíada Brasileira de Matemática nas Escolas Públicas – OBMEP, edição 2017.

Renan, atualmente com 14 anos, foi o único medalhista de Castanhal premiado pela OBMEP, e ganhou o direito de participar do Programa de Iniciação Científica – PIC Jr. e receberá por um ano uma bolsa no valor de 100 reais. A escola e o professor do aluno também foram premiados.
Rafael, que adora estudar matemática, foi classificado para a 2ª fase da OBMEP 2018 e garante que vai tentar outra medalha. “Este ano será mais difícil, pois vou disputar no 2º nível, que é para o 8º e 9º ano, então terá assuntos que ainda não estudei, mas vou tentar”, afirmou o aluno.

Além de Rafael, que é uma das esperanças de medalha, a escola também está na expectativa de que mais alunos se saiam bem.

Rosivaldo Alves, professor de matemática, disse que os alunos receberam aulas preparatórias para a OBMEP, ministradas pelos professores durante o período de hora atividade de cada um. E segundo ele, a ideia é transformar ele trabalho em um projeto de incentivo aos alunos que participarão da OBMEP 2019. “Com esse projeto pretendemos motivar e preparar nossos alunos para a prova do ano que vem”, afirmou o professor.

“Temos um corpo pedagógico que se dedica muito em preparar os alunos, os nossos professores de matemática já há vários anos desenvolvem atividades visando preparar os alunos para a olimpíada”, disse a Coordenadora Pedagógica da escola, Kátia Teixeira, que ressaltou que esse é um trabalho em equipe.
Na última sexta-feira (14), o gestor da escola José Henrique, Prof. Reginaldo Moura, se reuniu com alguns dos alunos que participaram da 2ª fase da OBMEP, realizada no sábado (15).
Ao todo, 27 alunos da escola fizeram a prova. Professor Reginaldo, que também é pai de Rafael, afirmou esperar que a escola consiga, novamente, uma boa classificação na OBMEP deste ano, e quanto ao prêmio que o filho recebeu, o gestor disse que o orgulho é muito grande por ver o filho se destacando como único aluno em Castanhal a ser premiado num concurso de nível nacional.

Fonte: SEMED

Fotos: SEMED