Prefeitura assina termo de colaboração técnica com a casa da fraternidade e cáritas diocesana garantindo serviços assistenciais

133

O termo de cooperação foi assinado na tarde de terça-feira, 14, pelo prefeito Pedro Coelho Filho, a secretária municipal de Assistência Social, Elyrose Abreu, a presidente da associação Damas da Fraternidade, Marlúcia Sarges, o presidente da Cáritas Diocesana, Eleonor Piedade.

O convênio garante que a Prefeitura de Castanhal, por intermédio da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), possa custear as atividades voltadas as ações de prestação de serviço de acolhimento a idosos da Casa da Fraternidade, no distrito de Apeú, assim como as ações da Casa de Passagem de pessoas em trânsito no município, realizado pela Cáritas Diocesana.

“As duas entidades desenvolvem um trabalho social muito importante. Portanto a Prefeitura tem o dever de ajudar e fazemos isso de acordo com nossas possibilidades”, ressaltou o prefeito Pedro Coelho Filho.

Somente Castanhal em toda região nordeste do Pará, desenvolve o trabalho de abrigo a idosos em situação de risco. O termo garante ainda a assessoria dos técnicos da assistência social.

“Hoje estamos em festa com nossos idosos. Celebrar esse convênio é de grande importância, pois era o apoio e suporte que precisávamos para dar continuidade nos trabalhos”, afirmou a presidente da Damas da Fraternidade, Malúcia Sarges.

A Cáritas Diocesana, outra entidade beneficiada desenvolve o trabalho assistencial desde 2009, distribuindo sopa a moradores de rua e abrigo na Casa de Acolhida “Madre Tereza de Calcutá” a pessoas de passagem pelo município. “Essa parceria com a Prefeitura é essencial. Sozinho não damos conta de desenvolver esse trabalho e graças a Deus com a parceria da Prefeitura vamos poder dar continuidade”, afirmou o presidente da Cáritas Diocesana de Castanhal, Diácono Eleonor Piedade.
Fonte: Ascom-pmc.

Fotos:ASCOM-PMC.