SEMAS e Defensoria Pública estudam implementar Projetos de ressocialização

1245

Na manhã de quarta-feira, 23 de Agosto, a Secretaria de Assistência Social reuniu com o representantes da Defensoria Pública de Castanhal, com o intuito de estudar possibilidades e meios que estabeleçam a implementação de Projetos de ressocialização de adolescentes e jovens que cumprem medidas sócio-educativas e egressos.

 
Além dos representantes da SEMAS, também estiveram presentes o Coordenador da Regional Guamá, Defensor Público Thiago Vasconcelos, a Secretária de Indústria, Comércio e Serviços, Fátima Mariano, a Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Sílvia Cristina e o Vereador Chagas Costa.

 
O Secretário de Assistência Social, José Carvalho, disse que essa união de forças é fundamental para o desenvolvimento do município. “O Governo de Todos, tem a finalidade de fazer parcerias que tenham o objetivo de fomentar o desenvolvimento de Castanhal, e a Defensoria Pública também se inclui nesse propósito. Deste modo estaremos dando oportunidade para os jovens que tanto necessitam ter uma vida digna”, disse.
Na oportunidade foram discutidos projetos que serão voltados para bairros com maior vulnerabilidade social do município.

 
A Pedagoga e Coordenadora de Ensino e Pesquisa da Defensoria Pública de Belém, Emiko Alves, agradeceu a Prefeitura pela iniciativa. “Sabemos que o número de menores infratores em nosso País é bastante elevado, e esses adolescentes e Jovens em algum momento de sua vida tiveram algum direito violado. Essas pessoas precisam de uma segunda chance, e precisam se reenseridos à sociedade, principalmente no mercado de trabalho, isso nós faremos através de parcerias com secretarias como a SEMICS e as empresas de Castanhal, por meio do Jovem aprendiz e outros”, finalizou, Emiko Alves.

 
Por Nathalia Lan – Ascom.
Fotos: Wanderely Souza -Ascom.