Seminário em Castanhal discute atendimentos de Urgência e Emergência na região metropolitana

1039

Na manhã de quarta-feira, 13, aconteceu na Câmara de Vereadores de Castanhal o seminário final do Projeto Gestão para a Educação Permanente dos profissionais da Rede de Atenção às Urgências (GEPPRAU).
O Projeto é resultado da parceria entre Ministério da Saúde, Secretarias de Saúde dos Municípios e Hospital Alemão Osvaldo Cruz. O processo de formação teve como objetivo a reorganização dos problemas enfrentados pelos 23 municípios da região metropolitana 3, em atenção Urgências, nas 6 linhas; Saúde mental, Obstetrícia, Oncologia, direcionado ao colo do útero e Cérebrovascular, onde foram apresentados 6 projetos aplicados nas linhas mencionadas.

Pâmela Moreira Costa, que é representante da Coordenadoria de Urgência e Emergência do Ministério da Saúde, mencionou importantes aspectos do Projeto. “Nesta ocasião trazemos aos municípios a oportunidade de discutir sobre as redes de Atenção às Urgências considerando pontos como: atenção primária, UPA’s 24 Hs, SAMU dentre outras. Assim como também alcançamos os demais componentes como; Bombeiros, Defesa Civil e Polícia Militar. Então esse momento é necessário para a execução de projetos na área da saúde”, explicou a representante da Coordenadoria de Urgência e Emergência do Ministério da Saúde.

O evento contou também com a participação de representantes de diversos setores da saúde como; Conselho de Saúde, da Presidente da Câmara, Luciana Castanheira, representante da Secretaria de Saúde do Estado, Vitor Mateus, a Coordenadora de Projetos do Hospital Alemão Osvaldo Cruz, Lígia Fonseca Spinel, dentre outros profissionais envolvidos no Projeto.

“Estamos tendo a chance de discutir propostas que tem por finalidade melhorar a Rede de Atendimento de Urgência e Emergência da Região Metropolitana, e para nós é um privilégio ter Castanhal como anfitriã deste importante momento, onde o Governo de Todos se coloca a disposição para contribuir no que for necessário para a aplicação dos Projetos em questão”, finalizou o Secretário de Saúde de Castanhal.

Por Natahalia Lann- Ascom.
Fotos: Wanderley Souza –Ascom.