Ação de cidadania no dia internacional da mulher – 8 de março

1725

O fenômeno da violência de gênero, também chamada violência contra a mulher acontece no mundo inteiro e atinge as mulheres em todas as idades, graus de instrução, classes sociais, raças, etnias e orientação sexual. A violência de gênero, em seus aspectos de violência física, sexual e psicológica é um problema que está ligado ao poder, onde de um lado impera o domínio dos homens sobre as mulheres, e de outro lado, uma ideologia dominante, que lhe dá sustentação.

Assim, a Prefeitura de Castanhal, através da Coordenação de Proteção Social Especial da Secretaria Municipal de Assistência Social – SEMAS -, desenvolve a Campanha Permanente de Combate à Violência Contra Mulher, procurando informar e sensibilizar a população de que esta é uma luta de todos os gêneros, ampliando o debate em torno da questão através de orientações e esclarecimentos em espaços como praças e vias públicas, além de palestras em instituições de ensino médio, fundamental, superior, CRAS, entidades não governamentais e secretarias municipais, buscando abranger um público variado de diferentes gêneros, idades e classes sociais, tanto da Zona Rural como da Zona Urbana do município.

O lançamento da Campanha de Combate à Violência Contra Mulher acontecerá no dia 8 de março na Praça da Matriz de São José, das 8h às 12h, com uma grande Ação de Cidadania que contará com apresentações culturais, prestação de serviços, orientações, divulgação da rede de atendimento disponível às vítimas e dos meios de denúncia para esse tipo de crime.

No dia 10 de março será a vez do Assentamento João Batista receber a Ação de Cidadania, a partir das 8h da manhã.

Texto: Luís Eduardo Monteiro, Setor de Comunicação da SEMAS.