Compromisso com a História PREFEITURA DE CASTANHAL LANÇA LIVRO DE MEMÓRIAS DA CIDADE

482

A história contada através de pessoas que vivenciaram marcantes momentos históricos, culturais, costumes e até críticos de Castanhal. Esse foi o desafio a que se propôs o jornalista e professor Antônio Teixeira Prado, o Pradinho, que, na última quinta-feira, 20, participou do lançamento e da noite de autógrafo do seu livro “Castanhal, Memórias em Pedaços”.
Esse resgate de boa parte das memórias do município teve o apoio irrestrito do prefeito Pedro Coelho Filho, através da Secretaria de Cultura.
“Um livro que mostra nossa história a partir do ano de 1893 até 1996. Momentos importantes que mostram de que forma Castanhal cresceu e se desenvolveu através da estrada de ferro. Colhendo depoimentos de pessoas que ajudaram a desenvolver nosso município. Como prefeito foi nossa obrigação apoiar um livro que ajuda ainda mais a preservar nossa história”, afirmou o prefeito Pedro Coelho, que também já escreveu um livro sobre Castanhal.
Emocionada, a secretária Elane Gadelha disse que “a história é construída a cada dia, e aqui estamos vivendo, através de depoimentos das pessoas que vivenciaram Castanhal, momentos políticos históricos, culturais e críticos vividos em nossa cidade, num legítimo processo da sua evolução histórica e cultural, hoje oficializadas em um livro. Esse é o fomento maior que podíamos dar ao nosso município, a história contada através de pessoas que a vivenciaram”.
Escritores da história de Castanhal, artistas plásticos, fotógrafos e personagens que fazem parte do livro estavam presentes na Casa da Cultura. Como a professor Terezinha Bastos. Numa noite memorável que já está definitivamente gravada na história do nosso município. “Tentei em outros momentos, mas só agora com o apoio do prefeito Pedro Coelho conseguimos fazer o lançamento do livro, que retrata vários momentos de Castanhal com depoimentos e fotos. Estou muito feliz em poder deixar para as próximas gerações um pouco da história bonita de Castanhal”, disse o Jornalista Antônio Prado.