Prefeitura realiza audiência pública para tratar sobre a apresentação do diagnóstico das condições da mobilidade urbana no Município

510

O evento promovido pela Semutran, reuniu empresários do segmento de transporte, representantes da sociedade civil organizada, secretários e vereadores.

O objetivo foi apresentar a sociedade, dados obtidos até o momento, sobre as condições de trânsito, que norteará a elaboração do plano de mobilidade urbana em Castanhal.

O estudo tem por finalidade promover a locomoção segura e acessível a todos.

Somente cinco Municípios do Pará, estão elaborando seu plano de mobilidade urbana são eles: Belém, Marituba, Marabá, Bragança e agora Castanhal.

O verador Idalmir Rodrigues, falou sobre a importância de se discutir o tema. “Temos problemas sérios sobre a mobilidade urbana, pela complexidade na modalidade de transporte que existe no município”, disse.

A professora da UFPA, Maysa Thobias, lembrou que “A mobilidade é um instrumento básico para a política de desenvolvimento e expansão Urbana”.

De acordo com a equipe técnica, que assessora os estudos sobre a mobilidade em Castanhal, o momento é muito importante devido o aumento populacional no Município. “Esta é mais uma etapa do levantamento feito até agora. Esses dados farão parte de um contexto de base para construção do plano de mobilidade. Ainda virão outras etapas”, esclareceu o secretário da Semutran, Carlo Sales.

O prefeito Pedro Coelho Filho, frisou que o estudo custaria para os cofres públicos quase um milhão de reais, e que está sendo desenvolvido a custo zero, por servidores e parceria com universidades, gerando economia ao cofres públicos.
Ele ressaltou que “a implantação do plano garante recursos Federais ao Município. Por isso é de extrema importância a elaboração do plano de mobilidade urbana. Através desses dados, podemos construir uma cidade melhor para todos”, finalizou o prefeito.

O evento teve ainda a presença dos vereadores João Amaro, Márcio Costa, Ney Nascimento, Mirandinha, Regina Abreu e Carlinhos Bacabal.
Fonte: ASCOM-PMC.
Fotos: : ASCOM-PMC.