Castanhal é palco de assinatura de decreto que irá mudar para melhor a vida do produtor

144

Um importante passo para a desburocratização da atividade no campo, que irá abrir novos e seguros caminhos para o setor produtivo paraense foi dado, na noite da última quinta-feira, 20, com a assinatura, pelo governador Simão Jatene, de decreto que regulamenta a compensação florestal em áreas tituladas e de posse em todo o território paraense.

A assinatura do decreto aconteceu dentro do parque de exposição Pedro Coelho da Mota e contou com a presença do governador, do prefeito Pedro Coelho Filho, de seu secretariado, além de significativa parte do PIB da pecuária paraense e produtores ligados à agricultura familiar.

“Agradecemos ao governador por ter escolhido Castanhal para assinar esse importante decreto, que legaliza bastante a vida dos pequenos produtores, e irá dar um novo direcionamento à agricultura familiar”, afirmou Francisco Gomes, o Ica, presidente do Sindicato Rural de Castanhal.

O prefeito Pedro Coelho Filho lembrou que Castanhal também está fazendo sua parte no setor ambiental. “Reduzimos em até 80% os valores das taxas ambientais, criamos o parque natural, com seus 15 hectares de floresta nativa, e estamos nos preparando para fazer poder receber o selo Município Verde. Sempre seguindo o caminho certo, da transparência a responsabilidade”, disse o prefeito.
“Temos que nos articular cada vez mais para tratar da melhor forma a questão ambiental. Fazer valer como ativo o passivo. Reserva legal não é mais viável, mas integrantes desse processo produtivo e reduzir a pobreza através da produção e da renda. Isso é o ativo, o ganho”, resumiu o governador depois de ter assinado o inédito e importante decreto.

Fonte:ASCOM-PMC.